Soem os alarmes

by RNPD

Nos últimos tempos têm surgido na Europa alguns movimentos políticos que se procuram apresentar como patriotas, nacionalistas, identitários, ou, enfim, próximos dessa zona política, mas que, na realidade, servem interesses exteriores e opostos aos das nações e povos europeus. Não há inimigo mais perigoso do que aquele que destrói e corrompe a partir do interior. A pergunta fundamental é esta: como separar o trigo do joio? E a resposta é simples: Desconfiem permanentemente daqueles cujo discurso se centra exclusivamente na crítica ao islão.